Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ohhmaeee...

Eu, nós, eles, e o mundo à nossa volta.

Ohhmaeee...

Eu, nós, eles, e o mundo à nossa volta.

18
Jun21

"Caramba, quase que conseguia!"

Desafio da Escrita - Tema 4

Mãede2

Com o rabo preso na porta, o gato tentava soltar-se de todas as maneiras não fosse o dono apanhá-lo mais uma vez a mexer no saco das compras. Ia sempre cheirar a ver se lhe calhava alguma guloseima, mas daquela vez surpreendeu-se ao ver que lá dentro estava uma caixa com uma bola peluda e castanha.
Quando a bola se mexeu, deu um pulo para trás e eriçou o pelo preto antes de se virar disparado e ficar preso ao empurrar furiosamente a portinhola da cozinha.
Ouviu novamente a porta da rua, o dono voltava com mais sacos, provavelmente os que teriam as suas guloseimas. O dono, ao entrar, ficou especado a olhar para ele, pousou os sacos e desatou a rir. "Caramba! Quase que conseguia!", pensou para si olhando para o dono que gozava descaradamente com ele. Este não fez menção de o ir libertar, calmamente foi buscar uma tesoura dirigiu-se para o saco onde estava a bola de pêlo e, agora a cantarolar, cortou os atilhos que prendiam a portinha que mantinha fechada a caixa onde estava aquela "coisa" estranha.
Só quando a tal coisa saiu de dentro da caixa percebeu finalmente o que era. Para grande mal dos seus males, o dono tinha trazido um cão para casa?! Como teria ele sido capaz de o trair daquela maneira?!! Estava chocado, magoado, espezinhado e principalmente receoso. Agora seria posto em segundo plano. Não seria mais a sua "mascotinha peluda favorita" como lhe costumava chamar. Agora seria apenas o outro ser peludo a viver naquela casa. Estava já prever o seu futuro: via, nas próximas horas, um derramamento de sangue...